Dúvidas Frequentes

1. O que é Geração Distribuída?

Geração Distribuída é o termo dado à energia elétrica gerada no local de consumo ou próximo a ele, sendo válida para diversas fontes de energia renováveis como a energia solar, eólica e híbrida.

Atualmente as regras para a Geração Distribuída são determinadas pela ANEEL através da REN 687 de 24/11/2015

2. Eu posso vender energia?

Não. Os consumidores que aderem ao sistema de Geração Distribuida não podem vender a energia excedente. A energia injetada na rede será utilizada para abater o consumo, havendo saldo, a energia excedente será acumulada e descontado nas próximas faturas. Este sistema de compensação garante a total utilização da energia gerada. O saldo pode ser utilizado em até 60 meses.

3. O que é inversor?

É o componente do sistema solar fotovoltaico responsável pela conversão da energia gerada pelos módulos fotovoltaicos de corrente contínua para corrente alternada.

4. Meu inversor desliga a noite. Está com algum defeito?

Não, quando não há geração o seu inversor desliga para poupar o consumo de energia elétrica.

5. Meu sistema está gerando menos energia que o previsto. O que faço?

A Clareon utiliza as estimativas mais realistas possíveis para simulação da geração de energia e os resultados reais não devem apresentar muita variação com relação ao estimado. Porém a geração depende de diversos fatores como (1) radiação solar, que varia de mês a mês ao longo do ano, (2) limpeza dos módulos fotovoltaicos, (3) sombreamentos não considerados na simulação, (4) intervenções realizadas por pessoas não habilitadas no sistema, (5) constantes falhas no fornecimento de energia por parte da distribuidora, fazendo com que o inversor desligue com maior frequência, (6) falhas no sistema, etc. 
Caso necessite de suporte técnico, entre em contato

6. O Sistema solar fotovoltaico necessita de manutenção?

Sim. Como toda instalação elétrica, o sistema solar fotovoltaico necessita de manutenção.  A Clareon possui o ferramental apropriado e equipe treinada para realizar este serviço. Link para aba “operação e manutenção no site”.

7. É possível gerar energia em um local e mandar para outro?

Sim, dentro da área de concessão da sua Distribuidora de Energia. Você pode fazer isso através do Autoconsumo Remoto ou da Geração Compartilhada.

8. O que é Autoconsumo Remoto?

O Autoconsumo Remoto é caracterizado por unidades consumidoras de titularidade de uma mesma Pessoa Jurídica, incluídas matriz e filial, ou Pessoa Física que possua unidade consumidora com microgeração (potência até 75 kW) ou minigeração distribuída (potência superior a 75 kW) em local diferente das unidades consumidoras, dentro da mesma área de concessão ou permissão, nas quais a energia excedente será compensada. Fonte: ANEEL, REN 697. A energia produzida pelo sistema solar fotovoltaico irá primeiro abater o consumo da unidade onde está instalado e depois o saldo será distribuído para uma ou mais unidades consumidoras e conforme o percentual previamente informado para a Distribuidora de Energia.

9. Tenho um sistema enquadrado em Autoconsumo Remoto. Desejo alterar os percentuais e/ou as unidades consumidoras que recebem a energia injetada. Posso fazer isso?

Sim. Você deve solicitar para sua Distribuidora de Energia, se preferir a Clareon faz este processo. Entre em contato.

10. O que é geração compartilhada? 

Geração compartilhada é caracterizada pela reunião de consumidores, dentro da mesma área de concessão ou permissão, por meio de consórcio ou cooperativa, composta por pessoa física ou jurídica, que possua unidade consumidora com microgeração (potência até 75 kW) ou minigeração distribuída (potência superior a 75 kW) em local diferente das unidades consumidoras nas quais a energia excedente será compensada.

11. É possível retirar ou inserir novos consumidores no consórcio ou cooperativa de geração compartilhada? 

Sim e esta alteração deve ser informada para a Distribuidora de Energia.

12. Posso instalar um sistema solar fotovoltaico no meu condomínio?

Sim. O sistema instalado pode gerar energia para abater no consumo do condomínio.

13. É possível instalar um sistema solar fotovoltaico em um condomínio e gerar energia para as suas unidades autônomas?

Sim, a energia gerada irá primeiro abater o consumo do condomínio e o seu excedente pode ser distribuído para os condôminos em percentuais previamente informados para a Distribuidora de Energia.

14. Eu posso alugar um sistema solar fotovoltaico?

Sim. Saiba mais na nossa página sobre Aluguel.

15. Eu posso financiar a compra de meu sistema solar fotovoltaico?

Sim. Existem diversas linhas de crédito para você adquirir o seu sistema. A Clareon é correspondente bancária das principais instituições. Peça um orçamento.

16. O que é medidor bidirecional?

Após a instalação do sistema solar fotovoltaico, a Distribuidora de Energia irá substituir o seu medidor por um bidirecional. Este novo medidor irá fazer duas leituras: (1) energia consumida da rede da Distribuidora e (2) a energia injetada na rede. A cobrança será o saldo de (1) – (2). Exemplo: em um determinado mês você consumiu da rede da Distribuidora  800 kWh e injetou 650 kWh, a energia cobrada será de 150 kWh.

17. A energia injetada na rede da Distribuidora apresenta um valor menor que a energia gerada pelo meu sistema solar fotovoltaico, tem algum problema com a minha fatura de energia?

A energia produzida pelo seu sistema solar fotovoltaico é imediatamente utilizada, desta forma a energia injetada na rede da Distribuidora é a diferença entre o gerado e utilizado instantaneamente. Exemplo: em um determinado mês o seu sistema solar fotovoltaico produziu 1.200 kWh e você utilizou no momento da geração 800 kWh, a  leitura de injeção mostrará 400 kWh (1.200 kWh – 800 kWh).  A energia injetada na rede da Distribuidora será abatida da energia consumida da rede da Distribuidora (veja a resposta da pergunta 15), caso haja excedente o saldo é acumulado para os próximos meses com validade de 60 meses. Desta forma você não perde energia.

18. Meu aplicativo parou de registrar os dados, meu sistema parou de gerar energia?

A princípio não, pode ser um problema de configuração do aplicativo. Faça um inspeção visual no seu inversor e veja se ele opera normalmente. Caso o problema seja com o aplicativo acesse nossa página de Documentos e veja como configurar o seu sistema de monitoramento. Caso necessite de assistência técnica, entre em contato com a Clareon.

19. Quando falta energia na rede da Distribuidora eu fico sem energia mesmo tendo instalado um sistema solar fotovoltaico?

Sim. O seu sistema solar fotovoltaico está conectado à rede da Distribuidora, em alguns momentos do dia ele injeta energia nesta rede. Quando há falta de energia seu inversor desliga automaticamente e interrompe a injeção para garantir a segurança dos técnicos  que farão o reparo rede da Distribuidora. Quando a energia da Distribuidora retornar seu inversor irá religar automaticamente.

20. Eu instalei um sistema solar fotovoltaico e ainda continuo pagando para a Distribuidora de Energia. Está certo isso?

Sim. Os consumidores de baixa tensão (grupo B) pagam a tarifa mínima (custo de disponibilidade) e iluminação pública, já os consumidores de alta tensão (grupo A) pagam a demanda contratada e iluminação pública.